Jogo de Buzios

 

 

O Jogo de Buzios é um oráculo completo, que traz as mensagens dos Orixás, e é o meio pelo qual os Orixás se comunicam, nos trazendo previsões e alertas.

 

Os Buzios somente podem ser interpretados por Sacerdote de Umbanda que possua linha Omoloko, ou seja, que tenha iniciação também em culto de Nação, ou Candomblé, além do Sacerdote de várias nações do Candomblé, como Ketu, Angola, Tambor de Mina, Nagô, Pai no Santo ou Mãe no Santo, com pleno conhecimento da religião e cultos afros, e é o meio pelo qual o Pai ou a Mãe cuida de seus iaôs, ou iyawo, que são os filhos no santo iniciados no Candomblé.

 

Os Buzios são conchas que nos trazem os segredos e os mistérios dos Orixás e do jogo, e o Babalorixá, ou Sacerdote passa por rituais de preparação e aprendizado para estar habilitado a jogar. São anos como iaô para obter esses conhecimentos.

 

O jogo sempre é iniciado com rezas e saudações aos Orixás, que trazem a energia e o axé para o começo da consulta.

 

E cada Nação do Candomblé possui particularidades tanto para o culto dos Orixás, como para o próprio Jogo de Buzios.

 

Para o Sacerdote que joga buzios, existem preceitos e obrigações em torno do próprio oráculo e da religião, que o preparam para que o axé e as energias estejam equilibradas para todas as consultas.

 

Deve-se levar em conta o conhecimento de todos os Orixás que ali podem se comunicar, tudo com a permissão do Orixá Exu, que é o mensageiro dos Orixás.

 

Na consulta com os Búzios, o consulente pode ver sobre todos os assuntos: amor, saúde, trabalho, dinheiro, espiritual e os Orixás através dos buzios, respondem todas as perguntas do consulente. 

 

O consulente pode ser iniciado ou não, adepto ou não de religião afro, mas através do Jogo de Buzios, obtêm revelações dos Orixás.

 

 

Taróloga Beatrice